Especialista? Cadastre-se e divulgue o seu trabalho
close

Epicondilite lateral: sintomas, tratamentos e recuperação

Epicondilite lateral: conheça os sintomas, tratamentos e dicas para prevenção da lesão mais comum em praticantes de esportes que exigem esforço dos braços.

Epicondilite Lateral Crédito:

A epicondilite lateral, também conhecida como cotovelo de tenista ou tênis elbow, é uma condição dolorosa que afeta a parte externa do cotovelo. Essa lesão é comum em pessoas que praticam esportes que exigem muito esforço dos braços, mas também pode ocorrer em pessoas que realizam atividades cotidianas repetitivas. Neste artigo, vamos discutir em detalhes os sintomas, as causas, o tratamento e a recuperação da epicondilite lateral.

Sintomas:

Os sintomas da epicondilite lateral incluem dor na parte externa do cotovelo, que pode se estender até o antebraço. A dor geralmente piora ao realizar atividades que envolvem movimentos repetitivos do braço, como levantar objetos pesados, jogar tênis ou pintar paredes. Além disso, a epicondilite lateral pode causar fraqueza no punho e dificultar a realização de atividades diárias.

Causas:

A epicondilite lateral é causada por lesões nos tendões que conectam os músculos do antebraço ao osso do cotovelo. Essas lesões geralmente ocorrem devido a movimentos repetitivos do braço, que colocam pressão excessiva nos tendões. Em alguns casos, a epicondilite lateral pode ser causada por uma única lesão traumática.

Tratamento:

O tratamento da epicondilite lateral depende da gravidade da lesão. Nos casos mais leves, o repouso e a aplicação de gelo podem ser suficientes para aliviar a dor e permitir a recuperação dos tendões. Em casos mais graves, pode ser necessário o uso de medicamentos anti-inflamatórios ou fisioterapia para fortalecer os músculos do braço.

Em casos extremos, a cirurgia pode ser necessária para reparar os tendões danificados. No entanto, a maioria dos casos de epicondilite lateral pode ser tratada com sucesso sem a necessidade de intervenção cirúrgica.

Recuperação:

A recuperação da epicondilite lateral pode levar várias semanas a alguns meses, dependendo da gravidade da lesão. Durante esse período, é importante evitar atividades que possam agravar a condição e seguir as orientações do médico quanto ao repouso e exercícios de fortalecimento.

Dicas:

Algumas dicas importantes para prevenir a epicondilite lateral incluem:

  • Realizar alongamentos antes e depois de atividades físicas que exijam esforço dos braços;
  • Evitar movimentos repetitivos do braço sempre que possível;
  • Usar equipamentos adequados durante práticas esportivas, como raquetes de tênis com tamanho e peso adequados;
  • Manter uma boa postura durante atividades diárias que envolvem o uso dos braços.

Para mais informações sobre a epicondilite lateral, consulte um médico especialista em ortopedia ou fisioterapia. Além disso, existem diversas fontes confiáveis na internet que oferecem informações detalhadas sobre a condição, como o site da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) e o portal da Mayo Clinic.

Consulte seu médico!

O Portal da Ortopedia recomenda consultar um profissional especializado em caso de dúvidas sobre qualquer informação de nosso site.

Últimos conteúdos